"As pessoas querem perguntar sobre minha vida, mas se vocês simplesmente olharem para as coisas que eu escrevo, ai sim saberão de toda minha história." (Marilyn Manson)

quinta-feira, 21 de julho de 2011

O DESPUDOR NA ARTE DE ESCREVER: FERNANDA ESTELLITA

Sem querer ser repetitiva, mas já sendo, venho falar mais uma vez sobre Fernanda Estellita.
Essa que é um carro desgovernado na arte de escrever. Pra ficar mais claro, pense em um garoto no auge da puberdade...é dessa forma que as palavras surgem!
Sou capaz de apostar que sua mente pedala sem parar, porque é de uma vivacidade que contagia!!!
Sugiro, como preliminar, aos mais ávidos por intensidade, que antes de se perder em busca do tal ''Ponto'' (seja lá qual ponto do alfabeto for!), naveguem por algumas páginas de Estellita e se achem!!!! Vale cada linha!!! 


"Poesia é quando o poeta mata o seu tesão desesperado pelas palavras. Para um escritor quando o pensamento estupra a cabeça, ele faz sexo no papel e goza com as palavras.
E ler é um voyeurismo do strip-tease dessas palavras, é comer com os olhos, transar com o pensamento, se identificar e atingir o ponto G. As palavras se roçam e se lambem. É o cio da Literatura'' (Fernanda Estellita) 



''Sabe quando você conhece alguém, que tem algo que não pode ser realmente definido, exceto como um "instigante algo".Isso! Descobri um charme seu, soberbo eu diria. Que deixa ligeiramente e total (eu disse total) fora do prumo.
Quando só de pensar arrepia cada milímetro da pele, dá um frio na barriga e o corpo treme num ritmo mais charmoso do mundo? Então...
E tem coisa mais deliciosa que pés enlaçados embaixo do lençol, o cheiro bom do meio das suas costas quentes, nossa mente suja e os corações também batendo num ritmo mais sensual do mundo?'' 
(Fernanda Estellita)

"Não suporto meio termo, metadinha, meia boca, meia foda.Mais ou menos me brocha inteira, dos pés a cabeça.
Meia noite, meia luz e meia lua são metades que eu engulo.
Gosto do pensamento que estupra a cabeça, do cheiro que estupra meus poros, do desejo que estupra meu sossego.

É assim que a mulher gosta de ser violentada - sem dó.'' (Fernanda Estellita)

''Quando verbalizo meu feeling freneticamente, vicio e enlouqueço.Não existe overdose pro insaciável prazer de escrever.'' 
(Fernanda Estellita)

''Vem cá, vem, devora essa minha mania de querer te engolir.'' 
(Fernanda Estellita)

''A maior intimidade é o silêncio a dois.O êxtase tragando o casal.'' 
(Fernanda Estellita)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

...

myfreecopyright.com registered & protected